O linho é uma planta verdadeiramente maravilhosa, aplicávelem vários campos. Em primeiro lugar, é claro, sempre foi feito de pano e roupa costurada, o que era indispensável no calor, economizado pelo aumento da transpiração e da sarna. E ainda dele recebe o óleo mais valioso usado não apenas para fins alimentares. O uso de sementes de linho em medicina tem sido conhecido há muito tempo, porque esta planta única é adequada tanto para a prevenção de uma série de doenças como para o seu tratamento. Deve-se dizer que as sementes de linho contêm proteínas, fibras, carboidratos e gorduras de alto grau, ácidos orgânicos, óleos gordurosos, pectinas, várias vitaminas (vitamina C, caroteno, vitaminas F e Y) e oligoelementos (alumínio, zinco, ferro, cromo , níquel, cálcio, potássio, boro, iodo, selênio e manganês). Graças a isso tem um efeito de cura.

Aplicação de sementes de linho

O uso de sementes de linho é muito amplo. De acordo com a medicina popular, eles curar úlceras gastritas, estomacais e duodenais, tosse (atua como poção expectorante), constipação e colite. A compressão deles ajuda com furúnculos e furúnculos, tem um leve efeito analgésico. Assim, este produto possui efeitos antiinflamatórios, cicatrizantes, expectorantes, bactericidas, amaciadores e laxantes.

Aplicação de sementes de linho para constipação

O uso de sementes de linho também ocorre na culinária. Normalmente, eles são simplesmente moídos e tomados com muita água, então não pre-embeber. Você pode adicionar mingau, saladas, pastelarias, comer com produtos lácteos, mel e mesmo geléia. No entanto, para fins médicos, a quantidade e a forma de aplicação devem ser determinadas apenas por um médico. Também deve ser armazenado corretamente (você pode simplesmente na geladeira em um recipiente ou saco selado) semente de linho.

O uso de constipação para esta ferramenta é bastanteefetivamente devido ao leve efeito laxante. Além disso, a semente de linho reduz o nível de açúcar no sangue, melhora a digestão (juntamente com o fortalecimento da imunidade e a redução da pressão arterial), serve como uma medida preventiva para doenças cardíacas, coágulos sanguíneos e câncer. Devido ao muco, que impregnado com sementes de linho, eles ajudam a reduzir a inflamação, regular a função hepática, curar doenças do aparelho digestivo. Além disso, este produto não permite o desenvolvimento de tumores no corpo, melhora a visão e a atividade cerebral, limpa o corpo de metais pesados. A participação no metabolismo de colesterol e gordura, o efeito rejuvenescedor na pele tornam a semente de linho um produto realmente único. Os óleos gordurosos contidos ajudam a regenerar os tecidos.

Aplicação de sementes de linho em medicina

Uma semente de linho, cujo uso em medicinaconhecido há muito tempo, tem uma série de contra-indicações. Em primeiro lugar, não pode ser consumido em grandes quantidades, já que o excesso de óleo de linhaça não é útil para o fígado. Além disso, uma pessoa pode não tolerar este produto, e as sementes apenas prejudicam em lugar de boas, causando inchaço, flatulência, diarréia. Devido ao forte efeito colateral, eles só podem ser tomados com grande cuidado por pessoas que sofrem de cálculos biliares e cálculos renais. O uso de sementes de linho é contra-indicado durante a gravidez e alimentação do bebê, bem como com obstrução intestinal e exacerbações da colecistite. Além disso, este produto pode causar alergias.